Poesia: Lágrimas

Tantas coisas que eu queria ter dito

Tantos abraços perdidos

Tantos sonhos que deixei de idealizar,

Preciso voltar a sonhar.

Sonhos? Eles vem, eles vão

Tem dias que parece que nunca chegarão.

Aquele dia que tudo é em vão.

Onde o céu está cinza, e o sol não me aquece

Gelo dentro do meu coração,

Em busca de uma motivação que me trouxesse de volta

Encontrei você que me estendeu a mão

Agarrei com força, muita força

Mas que não vem da minha mão

Essa força vem da fé, a tal da fé que move montanhas

Essa mesma fé, fez-me ver, fez-me enxergar

O sonho que um dia sonhei, agora posso realizar

Nada está acabado simplesmente porque estás ao meu lado.

Beijos

Flá

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s